O analista de sistemas é um profissional tecnólogo, com formação universitária rápida e voltada para a prática profissional. Ele é muito valorizado no mercado de trabalho, tanto pela sua competência técnica quanto pelo fato de que o país sofre com a falta de profissionais qualificados em TI. Leia este post para saber o que esse profissional faz!

O que o analista de sistemas faz?

Quem faz faculdade de Análise e Desenvolvimento de Sistemas é capaz de trabalhar em todas as etapas de desenvolvimento de um software. Esse profissional desenvolve programas, faz testes, manutenção e atualizações, sempre considerando os objetivos do cliente ou da empresa onde trabalha.

Ele conhece linguagens de programação e seu papel é usar esse recurso para criar soluções tecnológicas que solucionem problemas e agilizem processos dentro das organizações. Indiretamente, o analista de sistemas contribui para a produtividade das empresas, por meio do desenvolvimento de softwares específicos para cada necessidade.

Outro setor em que ele pode atuar é o de segurança da informação. Nesse caso, ele configura o acesso de usuários do sistema e impede o acesso de hackers ou o vazamento de dados. Fazer backups seguros e monitorar a performance do programa, procurando falhas, também são tarefas relevantes para garantir a confidencialidade das informações.

O analista de sistemas também pode atuar no suporte técnico, auxiliando no uso do sistema e oferecendo treinamentos, e é capaz de gerenciar bancos de dados. Sua formação acadêmica permite fazer ainda a manutenção do hardware, mas esse geralmente não é o foco do profissional.

Como está o mercado de trabalho?

Atualmente, empresas de todos os tamanhos utilizam sistemas computadorizados para registrar suas atividades, armazenar dados e tornar a comunicação mais ágil, tanto internamente, quanto com clientes e fornecedores. Na vida privada, a presença dos softwares também é cada vez maior. Esse é o principal motivo para que profissionais de TI estejam em alta no país.

De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Software, o Brasil é o 9º maior mercado do mundo, movimentando mais de 18 bilhões em softwares e serviços de TI no ano de 2017. O desenvolvimento interno de programas só cresce, assim como o mercado de desenvolvimento para smartphones. Assim, a demanda pelo analista de sistemas promete continuar alta.

Até o ano de 2020, o déficit de profissionais de TI no Brasil deve chegar à 400 mil. Isso significa que as empresas têm dificuldade para encontrar profissionais qualificados e valorizam aqueles que têm formação específica na área.

Assim, o mercado de trabalho em desenvolvimento de sistemas é amplo, compreendendo organizações de todos os ramos e portes. O profissional formado tem ainda a possibilidade de fundar sua própria empresa de desenvolvimento de softwares ou trabalhar de maneira autônoma, conquistando clientes.

Quanto ganha um analista de sistemas?

Devido à carência do analista de sistemas no mercado de trabalho, esse profissional é valorizado e tem salários altos. No cargo de Analista de Negócios de TI, ele recebe quase 5 mil reais. Como Analista de Segurança da Informação, está pouco acima de 4 mil. São muitos cargos possíveis, cuja remuneração depende da experiência do profissional, do porte da empresa e da região.

Quem opta por desenvolver softwares personalizados recebe por projeto, tendo rendimentos muito variados. A vantagem dessa modalidade de trabalho é a flexibilidade de horários e a liberdade de criação.

Estudar Análise e Desenvolvimento de Sistemas é uma oportunidade de começar uma carreira em Tecnologia da Informação, setor em alta no Brasil. Aproveite para conhecer melhor essa graduação baixando o e-book do curso!

Inscreva-se no nosso Blog

blog ead ucpel

O que você achou dessa publicação?

Deixe o seu comentário abaixo.

BUY On HUBSPOT