header-blog-UCPel

Blog do EAD UCPel

Peguei o resultado da prova do Enem. E agora, como entrar na faculdade?

Postado em 17 de jan de 2019

Em um mercado caracterizado pela extrema concorrência, há muito tempo o diploma universitário deixou de ser um diferencial para se tornar uma exigência. Mas não foi só isso que mudou: agora, além do processo seletivo tradicional, você pode entrar para a faculdade utilizando o resultado da prova do Enem.

Neste post, nós vamos explicar de que maneira o seu desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio pode ajudar você a conquistar a tão sonhada vaga no Ensino Superior.

É importante lembrar que não existe uma padronização: cada instituição ou processo seletivo dispõe de autonomia para fixar seus próprios critérios. Continue a leitura para saber como entrar na faculdade!

Inscreva-se em programas de seleção como Prouni, Fies ou Sisu 

O resultado da prova do Enem é um dos critérios de seleção para programas mantidos pelo Governo Federal. No entanto, como dissemos antes, as demais exigências mudam de acordo com cada programa.

Para usar a pontuação do Enem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), basta que o candidato tenha feito a edição mais recente da prova, sem zerar na redação. Por outro lado, é preciso atenção à chamada nota de corte e ao peso que cada uma das instituições participantes atribui ao resultado da prova do Enem.

Já o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e o Programa Universidade Para Todos (Prouni) exigem um desempenho mínimo de 450 pontos também na prova objetiva. Nesses programas, porém, os candidatos precisam se enquadrar nas faixas de renda para terem direito ao benefício.

 

INSCREVA-SE COM A NOTA DO ENEM

 

Utilize o resultado da prova do Enem como alternativa ao vestibular

Muitas faculdades particulares utilizam a pontuação do Enem como alternativa ao vestibular tradicional. Na prática, isso significa que o candidato pode ser dispensado da obrigatoriedade de fazer uma nova prova. Essa é uma forma de ingresso recorrente para cursos de ensino a distância, como o da UCPel.

As exigências variam. Há instituições que consideram apenas o desempenho na redação, outras consideram também as provas objetivas.

Para concorrer por essa modalidade, o candidato deve sinalizar sua escolha na ficha de inscrição e apresentar o boletim oficial do Enem emitido pela Inep. Via de regra, as faculdades e universidades costumam separar as listas de classificação, criando um ranking exclusivo para quem utiliza o resultado da prova do Enem.

A plataforma Beduka disponibiliza um Simulador de Nota de Corte para que o interessado possa conferir em quais universidades pode ingressar com a sua nota. 

Participe de um processo seletivo misto

O candidato também pode utilizar o resultado da prova do Enem em um processo seletivo misto, em que presta o vestibular tradicional, mas utiliza o Enem como um complemento para melhorar sua nota.

Qualquer que seja a sua opção, é importante lembrar que o único documento válido é o boletim oficial emitido pelo Inep. Se você está se perguntando “como saber se passei no Enem?”, precisa aguardar a divulgação oficial dos resultados para dar o próximo passo. Se você tiver dúvidas, é recomendável entrar em contato com a instituição de ensino do seu interesse.

No EAD UCPel 

Para entrar com o ENEM no EAD UCPel, basta que você tenha feito mais de 300 pontos e realizado o Exame Nacional do Ensino Médio a partir de 2009. Sua nota do ENEM será validada com o INEP, e sua entrada na UCPel será permitida sem que você precise fazer outra prova. 

 

 

 

EAD UCPel

Por EAD UCPel

Gostou deste conteúdo? Compartilhe com seus amigos!