Enem

A origem das tirinhas da Mafalda [Espanhol no Enem]

Por Redação   | 

 Tag: Enem

As tirinhas da Mafalda aparecem com frequência nas questões de Linguagens do Enem como um todo — e se você já fez algum simulado ou consultou provas dos anos anteriores já deve ter percebido isso. Mas você sabe quem é essa personagem?

Além de fazer parte dos exames de vestibulares, essas tirinhas fazem sucesso no mundo inteiro devido à personalidade forte da personagem principal e ao contexto que continua atual mesmo que elas tenham sido escritas na década de 1960.

Para que você se familiarize com a Mafalda, listamos algumas curiosidades sobre ela. Confira:

  1. A história de Mafalda
  2. Os personagens de Mafalda
  3. Quem foi Quino, o criador da Mafalda
  4. Por que Mafalda se tornou conhecida mundialmente
  5. Exercícios com tirinhas da Mafalda que já caíram no Enem

Nova call to action

A história de Mafalda

Diferente do que muitos pensam, a personagem Mafalda foi criada inicialmente para fazer parte de um comercial de uma empresa de eletrodomésticos. Ela nasceu no ano de 1962 quando a Agens Publicidad entrou em contato com seu criador, Quino, por meio do escritor Miguel Brascó.

A agência pediu para que o cartunista criasse tirinhas de jornais para uma fábrica chamada Mansfield e, assim, divulgar seus produtos de maneira subliminar. Brascó, que conhecia muito bem o trabalho de Quino, sugeriu que a ideia tomasse vida por meio de uma história em quadrinhos com crianças.

As únicas condições impostas pela empresa era de que os eletrodomésticos precisavam aparecer nas histórias e todos os nomes dos personagens deveriam começar com M, como a empresa Mansfield. Por uma série de razões, porém, o projeto deu errado e foi interrompido.

Depois de não ser utilizada como garota propaganda, a Mafalda foi oferecida para o Diario Clarín, o jornal de maior circulação da Argentina na época. Ela acabou ficando “parada” por dois anos depois que a empresa cancelou o contrato ao descobrir que a personagem tinha sido criada para uma estratégia de marketing.

Foi somente em 1964 que a criação de Quino ganhou vida. Três tirinhas que já estavam produzidas foram publicadas na campanha da Mansfield no Gregório, suplemente humorístico da revista Leoplán. Essa era uma revista literária e o próprio Quino era o diretor.

A personagem se destacou tanto que no mesmo ano Julián Delgado, diretor da revista semanal Primera Plana, fez uma proposta ao cartunista. Quino publicaria semanalmente duas tirinhas da Mafalda, mas sem nenhum propósito publicitário.

Depois de todo o sucesso alcançado, em 1973 Quino resolveu encerrar a produção e a publicação das tirinhas da Mafalda. Não se sabe ao certo o que o levou a tomar essa decisão, mas uma teoria supõe que ele teria se visto obrigado a entregar esse conteúdo para a edição com duas semanas de antecedência, o que ele não gostava de fazer, já que as suas histórias eram criadas de acordo com as notícias do dia a dia.

Os personagens de Mafalda

Personagens das tirinhas da Mafalda.

Além da própria Mafalda, outros personagens fazem parte das histórias da garotinha. São eles:

  • Mamã: a mãe da menina, uma típica dona de casa que não completou seus estudos — e que, por isso, é vista como medíocre por Mafalda;
  • Papá: o pai da garota, trabalha em uma companhia de seguros e está constantemente em crise por conta da sua idade;
  • Filipe: um sonhador que odeia a escola, mas que tem batalhas intensas e constantes com o seu senso nato de responsabilidade e com a sua consciência;
  • Susanita: uma menina fútil cujo único objetivo é o de encontrar um marido rico e de boa aparência;
  • Manolito: filho de um comerciante, vive preocupado com os negócios e com dinheiro. Não gosta dos Beatles — a banda favorita de Mafalda — e sempre tira notas baixas no colégio, menos em Matemática;
  • Guille: o irmão caçula de Mafalda, esperto até demais para a sua idade;
  • Miguelito: amigo da garota, um pouco mais jovens que os outros, dono de uma personalidade única e coração enorme;
  • Liberdade: uma menina minúscula, filha de pais idealistas que gosta das coisas simples da vida;
  • Burocracia: tartaruga de Mafalda e Guille. Foi batizada com esse nome por ser muito vagarosa.

Inicialmente, somente Mafalda e seus pais foram criados e foram apresentados logo na primeira edição da história na revista Leoplán. Os demais personagens foram adicionados com o tempo — como Filipe, o primeiro deles, e que só foi acrescentado à narrativa em janeiro de 1965.

Quem foi Quino, o criador da Mafalda

Quino, o criador da Mafalda, em sessão de autógrafos em Paris, em 2004. Créditos: Wikimedia Commons CC 2.5Quino, o criador da Mafalda, em sessão de autógrafos em Paris, em 2004. Wikimedia Commons CC 2.5.

Joaquín Salvador Lavado, mais conhecido como Quino, nasceu em Mendoza, na Argentina, em 17 de julho de 1932. Por ter um tio que também se chamava Joaquim, desde pequeno recebeu o apelido que o tornou conhecido no mundo todo.

Filho de imigrantes espanhóis, ficou órfão de pai e de mãe. Devido ao seu grande talento para desenhar, foi matriculado na Escola de Belas Artes de Mendoza assim que terminou a escola primária. Em seguida, ingressou na Faculdade de Belas Artes, mas abandonou o curso em 1949 para se dedicar ao desenho em quadrinhos.

Depois de muitas tentativas frustradas, somente em 1954 Quino conseguiu vender o seu primeiro desenho para um jornal argentino. A contribuição regular, porém, só aconteceu depois de 3 anos da primeira publicação. Já em 1963, lançou o seu primeiro livro humorístico, o “Mundo Quino”.

O cartunista criou vários personagens durante a sua vida, mas a que mais teve destaque foi a Mafalda. Depois de parar de criar as histórias dela, em 1976 se mudou para Milão e, aos poucos, o seu trabalho foi ganhando o mundo. Em 1982, foi eleito o Desenhista do Ano.

O trabalho de Quino recebeu vários prêmios internacionais — entre eles, o Prêmio das Astúrias de Comunicação e Humanidades em 2014, na Espanha. Depois de uma vida aclamada, Quino faleceu no dia 30 de setembro de 2020, na Argentina.

Por que Mafalda se tornou conhecida mundialmente

Estátua da Mafalda em Buenos Aires, capital da Argentina. Créditos: Gustavo Sánchez/Unsplash.Estátua da Mafalda em Buenos Aires, capital da Argentina. Gustavo Sánchez/Unsplash.

As tirinhas da Mafalda são umas das mais conhecidas e famosas do mundo, mas originalmente ela é escrita em espanhol latino. A personagem ganhou notoriedade internacional em 1969, assim como seu criador, devido à primeira edição italiana das histórias. O prefácio, aliás, foi assinado pelo filósofo e escritor Umberto Eco.

Ela já foi traduzida para mais de 30 idiomas. No Brasil, ganhou a sua primeira versão traduzida na Revista Patota no Rio de Janeiro. No período, o país vivia um contexto político bastante semelhante ao que era abordado nas histórias de Quino.

Essa foi uma das razões pelas quais a Mafalda ficou muito famosa no mundo inteiro e é por isso que ela é muito utilizada nas questões de interpretação de texto em espanhol do Enem.

Ela, que é uma garota rebelde e inconformada diante do contexto mundial está constantemente inquieta com a trajetória do ser humano e busca a paz no mundo — o que faz com que muitas pessoas se relacionem com esses sentimentos.

As histórias da Mafalda giram em torno do cotidiano da menina, dos pais e de seus amigos. São sempre repletas de questionamentos sobre a realidade política, econômica, social e cultural sobre a época em que foram escritas, mas que ainda se encaixam tão bem na atualidade.

Exercícios com tirinhas da Mafalda que já caíram no Enem

Chegou o momento de colocar sua interpretação de texto em prática agora que você entendeu por que as tirinhas da Mafalda aparecem com frequência na prova de Linguagens do Enem.

Separamos duas questões de Espanhol para você também estudar o idioma. As perguntas foram retiradas do banco de provas e gabaritos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC) responsável pela realização do Exame.

Questão 1 – Enem PPL 2017

Imagem associada para resolução da questão

É comum fazer trocadilhos com ditos populares para recriar sentidos. Na reflexão do personagem Felipe, a expressão " tratar de encajarle" significa

  1. encaixar em outro dia a tarefa de hoje.
  2. delegar a outras pessoas os seus afazeres.
  3. ser incapaz de concluir seus afazeres a tempo.
  4. aceitar suas atribuições sem questioná-las.
  5. adiar uma tarefa para realizá-la melhor.

Gabarito: B

Questão 1 – Enem PPL 2017

Imagem 005.jpg

A personagem Susanita, no último quadro, inventa o vocábulo mujerez, utilizando-se de um recurso de formação de palavra existente na língua espanhola. Na concepção da personagem, o sentido do vocábulo mujerez remete à

  1. falta de feminilidade das mulheres que não se dedicam às tarefas domésticas.
  2. valorização das mulheres que realizam todas as tarefas domésticas.
  3. inferioridade das mulheres que praticam as tarefas domésticas.
  4. relevância social das mulheres que possuem empregados para realizar as tarefas domésticas.
  5. independência das mulheres que não se prendem apenas às tarefas domésticas.

Gabarito: B


E aí, gostou de conhecer um pouco mais sobre as tirinhas da Mafalda? A história por trás da criação dessa história em quadrinhos é muito interessante! Esperamos que tenha gostado do artigo e que essas informações sejam relevantes para ajudar você no Enem.

Conhecer o contexto das tirinhas da Mafalda foi útil para seus estudos? Acompanhe o Blog do EAD UCPel para se preparar para o Enem!